A dificuldade de ser pai ou mãe

Escrito em em Junho 10, 2018

15 Minutos com o seu Filho

“Educar um filho é certamente a mais difícil das artes!”

 

A natureza da criança

• Todas as crianças nascem com todos os institintos que as empurram para
se comportarem em função da sua vontade;

• Desconhecem responsabilidades e perigos;

• Despreocupadas relativamente à dor ou sofrimento que podem causar nos outros;

• Não conseguem antecipar os problemas que podem surgir no futuro.

 

Para que serve a relação que exige tempo?

“Quando o crescimento das sementes é acompanhado por um jardineiro, que vai orientando o crescimento de cada uma, eliminando os rebentos não desejados e as ervas daninhas, o novo espaço que ali nasce não é apenas bonito, como é agradável de usufruir…” (Quintino-Aires, 2010).

Quando uma criança ou adolescente estruturaram uma boa relação com os pais, apesar de poderem e deverem afirmar as suas opiniões e posicionamentos perante a vida, os pais funcionam como bússolas orientadoras, utilizadas para nortearem a vida.

                              15 minutos de qualidade!!!

– 15 minutos por dia quando ainda é bebé
– 15 minutos por semana quando crescido

Algumas regras que sempre deve respeitar

1. Nunca, mas nunca, inicie um momento de relação dialógica se está preocupado com algum assunto

• É preferível perder uma semana do que estragar o trabalho relacional que já fez nos outros dias;
• Se tiver alguma preocupação, ela vai perturbar a sua atenção e a relação será sentida como aborrecida, irritante e não terá vontade de repeti-la;
Mais vale perder um minuto na vida do que a vida num minuto. 

 

2. Nunca, mas nunca, inicie um momento de relação dialógica se tem pouco tempo ou se está atrasado para um compromisso

• É preferível não estar sempre a olhar para o relógio;
• Qualquer pessoa é sensível ao facto de alguém mostrar esse comportamento;
– o que se sente: “não sou suficientemente importante para ele(a)” – instalando-se um sentimento de tristeza e revolta

 

3. Nunca, mas nunca, inicie um momento de relação dialógica se está muito zangado com o seu filho

• É natural que, de vez em quando, se zangue com o seu filho. Só quem não se relaciona não se zanga.
• Ignorar este estado é perigoso, uma vez que transforma a relação dialógica

                                     Só para recordar…

  Em PDF    15 minutos com o seu filho: as dificuldades de ser pai ou mãe

 


Tagged as , , ,



Comentários

Deixar um comentário

O seu e-mail não será divulgado. Campos obrigatórios marcados com um asterisco (*)


Continuar a ler